O que é Aquaponia?

Aquaponia é a criação de animais na água (peixes, por exemplo), em conjunto com plantas, utilizando a mesma água.

O que é Aquaponia
O que é Aquaponia

 

É bom lembrar que o cultivo de plantas na água é conhecido por Hidroponia.

Dessa forma, Aquaponia é a Hidroponia, associada à criação de peixes (ou outros animais na água).

 

Esse sistema deve estar em Simbiose. Quem fez aulas de Ecologia deve se lembrar do termo, também conhecido por Mutualismo. No Mutualismo, ou Simbiose, temos organismos diferentes que se beneficiam um do outro, convivendo de forma harmoniosa.

Na Aquaponia, temos 3 organismos fundamentais: as plantas, os peixes, e uma colônia de bactérias.

Plantas, peixes e bactérias
Plantas, peixes e bactérias

 

Relembrando as aulas de Biologia, as plantas necessitam de água, luz e gás carbônico para sobreviver. Esses são os “alimentos” das plantas, para que elas possam realizar a Fotossíntese.

É através da Fotossíntese que as plantas iniciam as cadeias alimentares no planeta. O oxigênio e as substâncias orgânicas produzidas na Fotossíntese são a base de sobrevivência para a maioria dos animais.

Fotossíntese
Fotossíntese

 

Os peixes necessitam de água, alimento e oxigênio para sobreviver.

Sistema Respiratório dos Peixes
Sistema Respiratório dos Peixes

 

No ambiente em Simbiose, a água onde os peixes vivem é a mesma água utilizada para molhar as plantas. Esse é o princípio da Aquaponia. Plantas e peixes utilizam a mesma água.

Entretanto, nesse sistema, existem substâncias tóxicas que aparecem naturalmente. São os restos de alimentos, fezes e urinas dos peixes, insetos e plantas em decomposição, etc. Todos esses detritos produzem uma substância química muito prejudicial para os peixes, chamada amônia.

Fórmula química da Amônia
Fórmula química da Amônia

 

Para corrigir esse problema, entram em cena as bactérias, responsáveis pela eliminação da Amônia. Os termos são meio complicados, então explicaremos detalhadamente esse processo em um outro artigo.

O importante a saber é que a Amônia é “alterada” pelas bactérias, deixando de ser tóxica para os peixes. Ainda, essa Amônia “alterada” é bem absorvida pelas plantas, fechando o ciclo.

 

Ciclo do Nitrogênio
Ciclo do Nitrogênio

 

Na Aquaponia, não há a utilização de terra para o cultivo das plantas. As raízes das plantas ficam em contato direto com a água.

Raízes em contato com a água
Raízes em contato com a água

 

A água utilizada circula pelo sistema com o auxílio de uma bomba. A água é bombeada do reservatório (onde estão os peixes) para os locais onde estão as plantas, retornando posteriormente para o mesmo reservatório.

Um dos princípios fundamentais da Aquaponia é a gravidade. É através da gravidade que a água circula pelo sistema. Após ser bombeada para as partes “altas” dos canos ou das camas de cultivo, a água volta por gravidade para os peixes.

Bomba Aquaponia
Bomba Aquaponia

 

Os sistemas mais conhecidos utilizam um tanque de peixes como reservatório. No Brasil, é muito comum a utilização de caixas d’água, que servem como reservatório.

Peixes na caixa d'água
Peixes na caixa d’água

 

As plantas ficam acomodadas em canos ou canaletas. São utilizadas também as chamadas “camas de cultivo”, locais onde as plantas crescem em pedras (brita, argila expandida, cascalho, etc), ou então “boiando” em superfícies de isopor.

Aquaponia com canos
Aquaponia com canos

 

Aquaponia com camas de cultivo
Aquaponia com camas de cultivo

 

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *